Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Roger Schmidt e o Midtjylland: “Temos a confiança da pré-época, mas temos de mostrar a mesma coragem, atitude e energia”

O treinador do Benfica lançou o jogo contra o Midtjylland, a contar para a primeira mão da 3.ª eliminatória da Liga dos Campeões, agendado para terça-feira, no Estádio da Luz (20h, BTV)

Expresso

Zed Jameson/MB Media

Partilhar

Midtjylland

"Quando jogamos um primeiro jogo em casa, temos de tirar o maior partido da primeira mão. O jogo decisivo será fora, será uma ligeira vantagem para o Midtjylland. Eles mudaram de treinador na semana passada, terão uma abordagem diferente. Jogaram já um jogo com o novo treinador, ele trouxe alguma nova energia ao clube, ganharam, estão confiantes. Claro que respeitamos muito esta equipa, é uma excelente equipa. Estamos prontos. Temos a confiança da pré-época, mas amanhã temos de mostrar a mesma coragem, atitude e energia que mostrámos nos jogos particulares. Com a ajuda dos adeptos, esperamos ter um excelente jogo. Com o Newcastle tivemos essa impressão da vantagem de jogarmos perante os adeptos, em casa. Esperamos que o estádio esteja cheio. Vamos fazer o melhor para lhes dar um bom primeiro jogo.”

Midtjylland II

“Para ser honesto, o mais importante é estarmos preocupados connosco e termos uma ideia de como queremos jogar. Haverá sempre detalhes que dependem do comportamento do adversário, das valências e qualidades individuais, mas 80% ou 90% é sobre como queremos jogar. Temos de pensar nos ajustamentos, vimos a equipa deles jogar, têm nova energia, mas também há muita coisa que se mantém, não é uma equipa radicalmente nova. Espero uma equipa muito motivada.”

Estreia como treinador do Benfica

“Estou feliz por começarmos finalmente os jogos oficiais. A pré-época é importante para as equipas que jogam jogos internacionais, é a única altura em que podemos treinar com os jogadores. Depois, são jogos quase de dois em dois, não haverá grande oportunidade para treinos. Vamos tirar partido do tempo o melhor possível, mas agora temos de avançar. Temos estado a jogar bem, mas não somos perfeitos. Para melhorarmos precisamos de jogos como o de amanhã, é um prazer, também há pressão quando há qualificações. Há sempre pressão sobre os jogadores que querem jogar a fase de grupos da Champions. Estou muito entusiasmado e desejoso de ver os jogadores amanhã.”

Saídas ou entradas

“Claro que as coisas são sempre assim, no verão. Há sempre boatos. A minha experiência como treinador é que temos de estar focados no momento e preparar a equipa com os jogadores que temos. Amanhã é um jogo muito importante, queremos dar este primeiro passo nesta eliminatória contra o Midtjylland. Não estou preocupado com outras coisas. Sei que o mercado de transferências ainda está aberto, há sempre conversas, há sempre movimentações. Como treinador tenho de me preocupar com o jogo de amanhã e é isso que vou fazer.”

Surpresa no 11?

“Vamos ver, não tem havido muitas mudanças no 11 inicial. Quase todos os jogadores tiveram muitos jogos na pré-época, quase todos os jogadores estão em forma, estão bem física e tecnicamente. Tivemos muitos jogadores nos treinos, nomeadamente em Inglaterra. Os jogadores criaram um excelente espírito de equipa, estão todos preparados, estão lá quando precisamos deles. Claro que é o treinador que terá de tomar as decisões, depois sexta-feira há outro jogo. Quando há assim tantos jogos, que é o que acontece num clube como o Benfica, temos de ter um plantel muito sólido e não apenas 11 jogadores, claro.”

Gilberto vs. Bah

“Temos boas opções para todos os lugares. Temos bons defesas direitos. O Alex [Alexander Bah] é novo, está muito bem, esteve bem integrado em situações de ataque, mas, na minha opinião, o Gilberto fez uma grande pré-época. O Grimaldo, do outro lado, também. Tenho boas alternativas para estes lugares, como para outros. Jogadores como o Alex terão as suas oportunidades, serão muito importantes. Temos muito gosto em tê-lo connosco, vamos ver nas próximas semanas quais serão as escolhas.”