Tribuna Expresso

Perfil

Ciclismo

E quase ao cair do pano, chegou a primeira vitória francesa no Tour 2022

Christophe Laporte deu mais uma vitória de etapa à Jumbo-Visma, em vésperas do derradeiro contrarrelógio desta edição da Volta a França

Lusa

Yoan Valat / POOL/EPA

Partilhar

Christophe Laporte (Jumbo-Visma) surpreendeu esta sexta-feira o pelotão, ao escapar-se nos derradeiros metros para vencer a 19.ª etapa, conquistando a primeira vitória de um ciclista francês na 109.ª Volta a França, liderada pelo seu colega dinamarquês Jonas Vingegaard.

Laporte saltou do pelotão a 600 metros da meta e evitou uma chegada ao ‘sprint’ no final dos 188,3 quilómetros entre Castelnau-Magnoac e Cahors, cortando a meta em 03:52.04 horas, um segundo diante do belga Jasper Philipsen (Alpecin–Deceuninck) e do italiano Alberto Dainese (DSM), respetivamente segundo e terceiro na tirada.

No sábado, Vingegaard enfrenta o derradeiro teste à sua liderança nos 40,7 quilómetros de contrarrelógio entre Lacapelle-Marival e Rocamadour, para os quais parte com 03.21 minutos de vantagem sobre o esloveno Tadej Pogacar (UAE Emirates), bicampeão em título, com o terceiro classificado, o britânico Geraint Thomas (INEOS), já a oito minutos.