Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Há um novo recorde de 103 casos de covid-19 na Premier League e muitos jogos continuam a ser adiados

Foi batido um novo recorde de profissionais da Premier League com covid-19. Entre jogadores e staff técnico, há 103 novos infetados, de acordo com os organizadores da liga Inglesa. Até agora, foram adiados 15 jogos devido a infeções nos plantéis

Tribuna Expresso

Visionhaus/Getty

Partilhar

Ao longo da última semana, foram detetados 103 novos casos de covid-19 entre os profissionais da Premier League, sejam eles jogadores ou staff dos clubes envolvidos. O adiamento de vários jogos durante o período festivo tornou-se inevitável, admitiram os responsáveis pela organização da Liga Inglesa.

“A Liga pode confirmar que, entre segunda-feira, dia 20 de dezembro, e domingo, 26 de dezembro, foram feitos 15.186 testes a jogadores e staff dos clubes. Destes, 103 foram novos casos positivos”, pode ler-se na declaração reproduzida pelo jornal “The Guardian”.

O número de novos infetados tem vindo a subir consistentemente, com 42 casos entre 6 e 12 de dezembro, 90 de 13 a 19 de dezembro e agora 103 situações positivas.

O Watford, por exemplo, teve três jogos adiados até agora. Ao mesmo tempo que recebiam os jogadores recuperados, que tinham estado em isolamento até agora, os responsáveis pelo clube tomavam conhecimento de novos casos positivos. “É difícil dizer que estamos 100% prontos”, declarou Claudio Ranieri, treinador dos Hornets. “Há alguns jogadores que não participaram em vários treinos, penso que esses não conseguem jogar 90 minutos”, disse o técnico italiano.

O Wolverhampton, treinado por Bruno Lage, viu ser adiado o jogo desta semana com o Arsenal, devido aos seis casos confirmados na equipa principal. “Esperamos que alguns desses jogadores estejam bem quando defrontarmos o Manchester United, a 3 de janeiro,” lê-se no comunicado do clube.