Tribuna Expresso

Perfil

Modalidades

LIV promete anunciar mais três golfistas sonantes e Cameron Smith, vencedor do British Open, terá tido oferta de 90 milhões de euros

Correm rumores de que o capitão da Ryder Cup de 2023, Henrik Stenson, e o antigo campeão de Masters, Hideki Matsuyama, podem juntar-se ao projeto financiado por dinheiro saudita e que pretende rivalizar com a PGA Tour. Smith não negou deixar o PGA Tour pelo novo circuito

Expresso

GLYN KIRK/Getty

Partilhar

A LIV Golf, financiada por dinheiro saudita e rival da PGA Tour, anunciou 45 jogadores para o próximo torneio. Os dirigentes do controverso projeto prometem revelar mais três nomes sonantes da modalidade nos próximos dias, numa altura em que a BBC fala da possível ligação de Henrik Stenson, capitão da Ryder Cup de 2023, e do antigo campeão do Masters Hideki Matsuyama, à nova organização.

O vencedor do British Open, Cameron Smith, pareceu incomodado quando, em conferência de imprensa no passado domingo, foi questionado acerca da hipótese de trocar a PGA pelo projeto saudita. O australiano recusou-se a negar a possibilidade e mostrou-se algo irritado com o jornalista que o interpelou. O antigo jogador e agora comentador Colt Knost avançou que o jogador terá tido uma oferta de cerca de 90 milhões de euros para se juntar à nova liga.

De acordo com a BBC, a LIV Golf está também a tentar convencer outro australiano, Marc Leishman, bem como o bicampeão do Masters Bubba Watson. Paul Casey, com 21 vitórias enquanto profissional e cinco vezes membro da equipa europeia da Ryder Cup, vai estrear-se no circuito LIV num percurso que vai contar com 10 campeões de majors.

Nomes grandes do golfe, como Phil Mickelson, Sergio Garcia, Patrick Reed, Brooks Koepka, Dustin Johnson ou Bryson DeChambeau, já cortaram com a tradicional PGA Tour e estão agora do lado da LIV. O terceiro evento da série, LIV Golf Invitational Bedminster, acontecerá no Trump National Golf Club, em New Jersey, entre 29 e 31 de julho.

No caso de se confirmarem os rumores de que Henrik Stenson se vai juntar à nova organização, o mais certo será o sueco perder o estatuto de capitão na Ryder Cup. Mickelson, Johnson, Garcia, Louis Oosthuizen, Ian Poulter e Lee Westwood irão fazer a sua terceira aparição consecutiva em eventos LIV desde que o circuito teve a sua estreia nos arredores de Londres, em junho.

O CEO da organização, Greg Norman, disse: “Têm sido dois meses históricos para a LIV Golf. Estabelecemos uma nova era para a modalidade, que oferece uma energia única, camaradagem e competição. Em apenas seis rondas de ação ao vivo, criámos um ambiente que captou a atenção do mundo e atraiu fãs jovens e apaixonados à volta do globo. Estamos entusiasmados por dar mais um passo gigante”.