Tribuna Expresso

Perfil

Modalidades

Patrícia Mamona na final do triplo salto dos Mundiais de atletismo

A medalha de prata nos últimos Jogos Olímpicos fez a décima melhor marca para ficar entre as 12 apuradas para a prova final, a realizar na segunda-feira. A portuguesa, de 33 anos, saltou 14,32 metros, longe dos 15,01 que logrou em Tóquio, no verão passado

Lusa

ANDREJ ISAKOVIC/Getty

Partilhar

A portuguesa Patrícia Mamona, vice-campeã olímpica do triplo salto, qualificou-se, este sábado, para a final da disciplina nos Mundiais de atletismo, em Eugene, nos Estados Unidos, com 14,32 metros, na terceira tentativa.

A medalha de prata em Tóquio2020 e recordista nacional, com 15,01 metros, assegurou uma das 12 vagas na final, no terceiro salto, depois de ter começado o concurso com 14,05 e com um nulo.

Mamona assegurou a passagem à final com o 10.º lugar na qualificação, dominada pela venezuelana Yulima Rojas, recordista mundial e campeã olímpica, que, com 14,72, foi uma das cinco atletas que superou os 14,40 do apuramento direto.

A atleta do Sporting, de 33 anos, chegou a Eugene 2022 na terceira posição do ranking mundial, mas apenas com a 14.ª marca do ano (14,42 metros), alcançada em março, nos Mundiais em pista coberta, nos quais ficou no sexto lugar.

A final do triplo salto vai ser disputada na segunda-feira, a partir das 18h20 locais (2h20 de terça-feira em Lisboa).