Perfil

Futebol internacional

Não vale cábulas, nem copiar: 6.586 pessoas inscreveram-se para o primeiro exame de agentes de futebol da FIFA

O novo teste é obrigatório para a obtenção da licença de intermediário de futebol, que passará a vigorar em outubro fruto do novo regulamento para agentes de futebol formulado pela entidade que manda na modalidade. Os inscritos provêm de 138 federações nacionais

Lusa

Se Jorge Mendes quiser continuar a ser agente de futebol, também ele terá de fazer (e passar) no novo exame para intermediários da FIFA

JACK TAYLOR

Partilhar

Mais de 6.500 pessoas inscreveram-se para o primeiro exame da FIFA para agentes de futebol, que permitirá a obtenção de uma licença, obrigatória para o exercício da atividade a partir de outubro, anunciou hoje o organismo.

A prova, na qual se inscreveram 6.586 candidatos, provenientes de 138 federações-membro da FIFA, está agendada para 19 de abril, estando previstos mais testes em setembro deste ano, e nos meses de maio e novembro de 2024.

“A grande quantidade de inscrições que recebemos mostra que há muitas pessoas em todo o mundo interessadas em trabalhar dentro de um mercado com regras bem definidas, que proporcionará mais segurança aos diversos agentes do futebol”, afirmou Emílio Garcia Silvero, diretor dos serviços jurídicos da FIFA.

O novo regulamento dos agentes de futebol da FIFA, que impõe a redução das comissões máximas recebidas, a proibição de dupla representação ou o regresso a um sistema de licenciamento à escala global, foi aprovado em 16 de dezembro de 2022, tendo entrado em vigor em 9 de janeiro, iniciando-se o processo de obtenção de licenças.

A partir de 1 de outubro, vai existir a obrigação dos clientes contratarem somente agentes licenciados.