Perfil

Futebol internacional

Eleição de Fernando Gomes para o Conselho da FIFA "é mais um feito para o futebol português"

Pedro Proença elogiou o presidente da Federação Portuguesa de Futebol, que foi eleito, esta quarta-feira e no Congresso da UEFA, para exercer um novo cargo na FIFA. “Reforça o reconhecimento e o prestígio de que goza Portugal no centro das decisões do futebol mundial”, diz o líder da Liga de Clubes diz que

Lusa

Gualter Fatia - UEFA

Partilhar

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), Pedro Proença, elogiou esta quarta-feira a eleição de Fernando Gomes para o Conselho da FIFA, associando-a ao reconhecimento internacional do que tem sido feito pela modalidade no país.

“A eleição de Fernando Gomes para o Conselho da FIFA é mais um feito para o futebol português e reforça o reconhecimento e o prestígio de que goza Portugal no centro das decisões do futebol mundial”, disse o dirigente, citado no site da LPFP.

Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), foi hoje eleito por unanimidade e aclamação para o Conselho da FIFA, durante o 47.º Congresso da UEFA, que se realiza em Lisboa.

Numa curta nota, Pedro Proença considera que “é cada vez mais importante contar com figuras do futebol nos principais órgãos decisórios internacionais”.

“Em meu nome e em nome da Liga Portugal, saúdo Fernando Gomes por esta eleição e desejo todas as felicidades para o cargo que agora irá desempenhar”, concluiu, referindo-se ao dirigente de 71 anos.

A LPFP saudou Fernando Gomes, que presidiu a própria Liga entre 2010 e 2011, antes de ir liderar a FPF, congratulando-se pelo facto de agora ter atingido “um dos mais altos cargos no dirigismo desportivo”.

Fernando Gomes, que foi, até hoje, vice-presidente da UEFA, foi o único candidato a sufrágio para o mandato de quatro anos, depois de Noël Le Graët se ter demitido da presidência da Federação Francesa de Futebol (FFF).