Tribuna Expresso

Perfil

Ténis

Tenista desqualificado a meio de uma partida depois de tomar duche na pausa para ir à casa de banho. Adversário denunciou-o

Tudo aconteceu no Challenger de Sevilha, em terra batida. Nicolas Moreno de Alboran, atual número 311 do mundo, argumentou que tinha ficado com areia na roupa interior, o que terá provocado comichão e mesmo uma ferida. O norte-americano disse que precisava de se limpar, tendo ligado o chuveiro apenas para isso. Mas as regras dizem que é proibido e o tenista terá sido denunciado pelo adversário, o argentino Federico Delbonis

Expresso

David Horton - CameraSport

Partilhar

O tenista norte-americano Nicolas Moreno de Alboran, número 311 do ranking ATP, foi desqualificado a meio de uma partida do Challenger de Sevilha, por ter aproveitado a pausa para ir à casa de banho e, alegadamente, ter tomado um duche. O adversário, o argentino Federico Delbonis, seguiu Alboran e terá denunciado o companheiro de profissão.

O norte-americano ficou chocado com a desqualificação e explicou que tinha acumulado areia na roupa interior, fruto de várias quedas no corte, e que tinha ficado com comichão e uma ferida que chegou a sangrar. Alboran argumentou que o único propósito de ligar o chuveiro fora para se livrar do incómodo.

“Durante o segundo set, caí três ou quatro vezes. Numa delas, fiquei com areia na minha roupa interior. Tive de jogar assim durante 30 minutos. Quando vi que não podia tirar a areia com uma toalha, porque estava a transpirar muito, decidi usar o chuveiro, mas apenas para tirar a areia”, disse o tenista.

Sevilha é, normalmente, uma cidade a ferver. Aparentemente, era o caso. Nos torneios ATP, os duches são proibidos nas pausas para ir à casa de banho. Terá sido essa regra a fazer com que Delbonis denunciasse o rival. “O meu adversário disso ao juiz de linha que eu tinha tomado um duche. O juiz de cadeira desqualificou-me do torneio. Além disso, não vou receber pontos ou prize money da competição, e vou ter de pagar o meu quarto de hotel nos dias em que estive a jogar”, queixou-se Alboran.

“Isto não tem nada a ver com o torneio ou com a organização, que foi incrível toda a semana”, fez questão de dizer o norte-americano. A partida em causa referia-se à primeira ronda do Challenger em terra batida. No momento da polémica, reinava o equilíbrio no marcador. Delbonis venceu o primeiro set por 7-5 e Alboran levou a melhor no segundo, por 7-6, depois de um tie break que terminou 8-6.