Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Gasol e o Bàsquet Girona, clube que fundou: “Quem fala nos jogos e treinos, o que se pica e compete é o Marc-jogador, não o Marc-presidente”

Com passagens por Barcelona, CB Girona, Memphis Grizzlies (2008-2019), Toronto Raptors e LA Lakers, Marc Gasol fundou o Bàsquet Girona em 2014. Em novembro, anunciou que ia vestir aquela camisola e disputar a segunda divisão espanhola

Tribuna Expresso

Europa Press Sports

Partilhar

Depois de 13 temporadas na NBA, o fundador e presidente do Bàsquet Girona é agora também atleta do clube da segunda divisão espanhola de basquetebol. Em entrevista ao “El País”, Marc Gasol explicou qual era a sua ambição pessoal, a relação com os colegas e treinador e ainda revelou a razão pela qual abraçou este projeto: “contribuir para que os jovens valores possam desenvolver o seu talento e consigam [alcançar] todo o potencial em Girona”.

“A alta competição ou a elite não é o que me move agora nas minhas decisões. Há mais coisas, entre elas obviamente a família, um projeto como o Bàsquet Girona e uma combinação de fatores, de segurança física, depois de uma etapa em que não pude investir o tempo que desejava para poder estar ao mais alto nível”, começou por dizer ao diário espanhol. “Talvez percas uma parte da elite competitiva, mas ganhas muitas outras coisas que te oferece este desporto.”

Depois de fundar e presidir ao clube que agora representa, pode ser difícil imaginar como é a dinâmica com colegas e treinador. Marc Gasol descomplicou. “O meu trabalho como presidente é mais separado da equipa. O diretor desportivo assume a área desportiva e o treinador assume na quadra. No final de contas, na quadra sou um jogador. Antes e depois do jogo sou jogador. Obviamente, sou consciente que, por muito que mude o boné, veem-me também como presidente”, explicou.

O basquetebolista espanhol, de 36 anos, acrescentou ainda: “Como presidente sou mais calmo. Como jogador sou bastante mais exigente. As pulsações são mais altas e ali o que fala nos jogos e treinos, o que se pica e compete contra ele e contra a outra equipa é o Marc-jogador e não o Marc-presidente”.

Com passagens por Barcelona, CB Girona, Memphis Grizzlies (2008-2019), Toronto Raptors e LA Lakers, Marc Gasol fundou o Bàsquet Girona em 2014. Em novembro, anunciou que ia vestir aquela camisola e disputar a segunda divisão espanhola.