Perfil

Futebol nacional

Manuel Tulipa: “Há que parabenizar a equipa, quer jogar sempre o jogo pelo jogo com o adversário”

O treinador do Vizela, que sofreu o derradeiro golo já depois da hora, mostrou-se satisfeito com o desempenho dos seus jogadores e lamentou ter saído de Alvalade sem pontos: “Gostaríamos muito de pontuar e penso que merecíamos"

Expresso

Gualter Fatia

Partilhar

Jogo

“Não conseguimos pontuar, mas gostaríamos muito de pontuar e penso que merecíamos. Foi um jogo difícil para nós. Sofremos um pouco, porque andámos muito tempo sem bola, mas, quando a tivemos, fomos com critério à frente, a mudar por dentro e a encontrar espaços para saídas. Sabíamos das dificuldades que íamos ter. O Sporting tem um jogo posicional muito bom, com largura pelos laterais, com muita gente por dentro, joga praticamente só com um médio e o Pote entrelinhas. Se olhar ao que tem sido a nossa equipa, mudámos a estrutura, ficámos com uma linha de cinco, quando normalmente jogamos a quatro. A postura da equipa foi muitíssimo boa, saímos daqui dignos com a certeza que estamos preparados para continuar a nossa luta e manter o clube na 1.ª Liga”

Balanço

“É bom. Esta é a primeira volta com mais pontos do Vizela, desde que está na Liga. A equipa tem crescido, é uma equipa que consegue interpretar muito bem o jogo e que também sabe sofrer. Somos uma equipa perigosa, que os adversários têm dificuldade em controlar. Agora temos pela frente a segunda volta, é uma nova fase e temos de manter este nível, procurando melhorá-lo no que é necessário. Há que parabenizar a equipa, porque quer jogar sempre o jogo pelo jogo com o adversário e, apesar de nem sempre ser possível, tentamos sempre fazê-lo."