Tribuna Expresso

Perfil

Futebol nacional

Nos onzes do clássico, há mudanças em ambas as balizas e uma alteração táctica no Benfica

Sérgio Conceição e Jorge Jesus fazem poucas alterações nas respectivas equipas para o duelo dos oitavos de final da Taça

Tribuna Expresso

PATRICIA DE MELO MOREIRA/Getty

Partilhar

FC Porto e Benfica decidirão, no Dragão, qual será a última equipa a garantir presença nos quartos de final da Taça de Portugal. E, para lutar pela passagem, Jorge Jesus e Sérgio Conceição fazem poucas mudanças nos seus onzes.

Assim, do lado do FC Porto, a única alteração face aos titulares que golearam (4-0) o Vizela é a mudança de guarda-redes, com a saída de Diogo Costa e a entrada de Marchesín. De fora fica Pepe, a contas com problemas físicos - nota para Corona, que, tal como o central, nem no banco está.

Quando ao Benfica, as águias fazem duas mudanças em relação à formação que venceu, por 7-1, o Marítimo. Na baliza, Helton entra por Vlachodimos, havendo outra alteração com mais implicações tácticas. Yaremchuk é relegado para o banco, sendo Taarabt titular. As águias poderão, assim, ter mais um médio para juntar a Weigl e João Mário, soltando Rafa e Darwin na frente.

Onze do FC Porto: Marchesín; João Mário, Mbemba, Fábio Cardoso, Zaidu; Uribe, Vitinha, Otávio, Luis Díaz; Taremi, Evanilson

Onze do Benfica: Helton; Gilberto, André Almeida, Otamendi, Vertonghen, Grimaldo; Weigl, João Mário, Taarabt, Rafa, Darwin

Acompanhe o jogo, ao minuto, aqui, na Tribuna Expresso