Tribuna Expresso

Perfil

Futebol internacional

Fàbregas vai jogar para o Como, da segunda divisão de Itália. A ideia é mais tarde tornar-se treinador

O jogador catalão vai assinar contrato esta semana com o clube da zona mais luxuosa do Norte de Itália. O acordo inicial será por duas temporadas com um projeto para o futuro

Expresso

Soccrates Images

Partilhar

Cesc Fàbregas, com um passado ligado a clubes como o Barcelona ou o Arsenal, vai, esta semana, vincular-se ao modesto Como que, apesar de situado numa das mais luxuosas zonas de Itália, atua na Série B. O catalão de 35 anos irá assinar como jogador, mas a expectativa é que venha a tornar-se treinador da equipa da Lombardia, região que inclui a gigantesca Milão.

Segundo o jornal “Marca”, o acordo com o futebolista sem clube deverá ser anunciado ainda esta semana. O contrato terá a duração de dois anos, mas pressupõe um projeto de futuro. O meio de comunicação social sediado em Madrid já tinha anunciado que o internacional espanhol não pretendia um projeto de primeiro nível, mas algo a médio-longo prazo para ir pendurando as botas enquanto dava início ao percurso como treinador.

Cesc, que terá estado em negociações com o Las Palmas, está feliz, diz o mesmo jornal. Vai jogar pela primeira vez numa segunda categoria, é certo, mas trata-se de um projeto ambicioso, detido pela endinheirada empresa indonésia Djarum, cujo CEO é Dennis Wise, um ex-jogador inglês que passou, entre outros clubes, pelo Chelsea entre 1990 e 2001. A combinação dos diversos fatores fez com que Fàbregas agarrasse a oportunidade, depois da experiência no Mónaco da Ligue 1.

O Como terminou a época passada na 13ª posição da Série B e assume, para esta época, o objetivo de subir à principal categoria do futebol italiano, onde já não marca presença há vários anos.