Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Roger Schmidt: “Somos o Benfica, temos uma boa equipa, temos o que precisamos para lutar pelos títulos. Estamos prontos”

O Benfica começa amanhã o campeonato, no Estádio da Luz, contra o Arouca (20h15, BTv). Schmidt elogiou Florentino Luís: "A minha opinião, desde o primeiro dia da pré-época, é que ele esteve muito bem, impressionou-me a atitude e qualidade"

Expresso

DeFodi Images

Partilhar

Estreia na liga

“O jogo de terça-feira foi também uma boa preparação para o jogo de amanhã [sexta-feira]. Quando jogamos em casa, claro, queremos meter o adversário sob pressão, queremos controlar o jogo. O desafio é sempre cuidar taticamente das posições, para estarmos preparados para contra-ataques. Estamos preparados para isso, são coisas cruciais para nós. Se tentas ser pró-ativo no jogo, então claro tens de cuidar dos espaços nas costas da defesa, é sempre um tema no nosso treino. Amanhã é o primeiro passo, queremos começar bem, queremos ganhar em casa. Queremos jogar, desde o início, um jogo ofensivo e procurar muitos golos, queremos jogar pelos títulos. Para ganhar muitos pontos, tens de ganhar muitos jogos.”

Liga Portuguesa e o favorito

“Antes de mais, estou entusiasmado para conhecer a Liga Portuguesa. Já tenho alguma experiência em diferentes ligas, estive umas épocas fora da Alemanha e em diferentes níveis. Cada liga tem a sua especificidade, cultura. Sim, estou entusiasmado para ver também o oponente, a sua abordagem, quão corajosos é. Temos de encontrar soluções, também relativamente à tática do adversário. Encontrar um favorito é a vossa tarefa. Na minha opinião, somos o Benfica, temos uma boa equipa, temos o que precisamos para lutar pelos títulos. Estamos prontos para isso. Amanhã queremos dar o primeiro passo.”

Odisseas Vlachodimos: manter ou precisa de outro guarda-redes?

“Estou impressionado com os nossos guarda-redes, com o que vi na pré-época, por isso Ody e Helton estão a grande nível. Mas também fiquei impressionado com os jovens guarda-redes. Quando vi como treinam, quão diligentes e focados estão e corajosos, o nível de guarda-redes aqui, no Benfica, é muito alto. Estou feliz, no momento, com o estado das coisas. Não é só com os guarda-redes, mas os jogadores.”

Weigl quer ficar? E porque não faz parte dos planos?

“Não falo da opinião dos jogadores. O que posso dizer é que, claro, temos muitos jogadores na equipa, não é a situação perfeita para todos. Todos querem começar de início. Neste momento, há jogadores que estão à frente, na equipa titular. O Julian é um jogador de topo, mostrou-o na pré-época. Veremos o que vai acontecer para certos jogadores. Digo sempre o mesmo: depende do clube, dos outros clubes, dos jogadores, veremos o que acontece. Do meu lado, estou focado nos jogos. O Julian é um jogador muito importante para nós.”

Treinou equipa para enfrentar defesa recuada?

“Sim. Não tivemos tanto tempo entre os jogos. Para os jogadores que jogaram não houve muito treino, têm de recuperar e de estar frescos para amanhã outra vez. O Midtjylland também tentou pressionar alto, mas na maior parte do tempo tivemos a bola, com 75% de posse de bola, e eles ficaram muito tempo atrás da bola, sempre organizados. Tivemos de encontrar soluções, tentámos olhar para isto na pré-época, porque sabemos que muitas vezes a nossa tarefa é encontrar soluções contra adversários defensivos, para sermos capazes de criar oportunidades, de ser criativos, de mostrar qualidade individual. Por isso digo que o jogo de terça-feira foi uma boa preparação para amanhã e talvez para as próximas semanas. Estamos preparado, mas sabemos que os adversários procuram os seus momentos para transições e contra-ataques.”

Florentino

“Posso falar do Tino. A minha opinião, desde o primeiro dia da pré-época, é que ele esteve muito bem, impressionou-me a atitude e qualidade. Ele usou muito bem a pré-época, estava muito focado, vi muito motivação para jogar outra vez pelo Benfica. Ele está feliz por estar de volta, agarrou a oportunidade. Ele foi um dos jogadores, na pré-época, que mostrou muita boa qualidade, especialmente tecnicamente, desenvolveu-se muito. Sabe o que tem de fazer nesta posição, que não é fácil, estás no meio de tudo. És muito importante na posse de bola, és muito importante no pressing, és muito importante quando ganhamos ou perdemos as bolas. Ele tem de ser muito completo e mostrou, desde o início, que era um exemplo do que é um jogador completo, e é muito bom jogador para o Benfica. Estou contente com ele.”

  • David Neres, desde que o samba é samba que é assim
    Benfica

    Soa a algo injusto, desmedido até, não titular uma crónica com quem marcou três golos no jogo em questão, como Gonçalo Ramos o fez contra o Midtjylland. Mas quem desequilibrou com ginga, o assistiu nos dois primeiros e engatou o Benfica para a vitória (4-1) na primeira mão da 3.ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões foi o brasileiro que tem no drible uma forma de vida e mostrou-o na estreia dos encarnados em partidas oficiais esta época